A vencer desde 1893

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

James resolve !


3 comentários:

  1. Boas,

    Antes de mais uma palavra aos desacreditados e detratores ... á cabeça esse grande portista de seu nome MST ... por muito que digam mal de VP, da direção, dos jogadores ... hoje gostava de ler o que tem dizer.

    O FCP fez um jogo imaculado, ao nivel das melhores exibições europeias como em 87, 2003 e 2004 e a época de libras boas ... era injusto a derrota ou o empate apesar de quando terminou a primeira parte pensar em outras vitorias morais que não foram concretizadas.

    Posto isto estivemos perfeitos, não embandeirando em arco, mas quer defensivamente quer ofensivamente estivemos perfeitos e o resultado peca por escasso.

    Não sou otimista por natureza no entanto tinha um "feeling" que nestes jogos grandes iriamos demonstrar o que somos e o que valemos e não me enganei ... foi uma vitoria sem espinhas e inteiramente justa.

    Agora a que aproveitar esta embalagem e limpar os nossos adversários quer nossa liga quer na champions.

    um abraço

    http://fcportonoticias-dodragao.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Bom dia

    O FC Porto encarou o jogo, como deveria encarar: Favorito!

    O adversário, novo rico da Europa do futebol, levou um banho de bola perante um dos melhores clubes europeus.

    Fomos agressivos, dominamos e controlamos perfeitamente o jogo, permitindo apenas por duas vezes que o PSG criasse real perigo.

    O nosso trio do miolo, ritmou o jogo, foi inteligente tácticamente, pressionando na saída de bola a equipa francesa.

    Foi neste sector da equipa que residiu o segredo para a vitória, com Moutinho sublime.

    VP esteve bem na substituição de Varela por Atsu, pois nos últimos 15 minutos, dava a ideia que a equipa já se havia conformado com o empate, e já começava a irritar o jogo da nossa equipa, pois nós somos melhores e sentíamos que se apertássemos venceríamos.
    O jovem africano foi o elemento que despertou o nosso jogo e nos empurrou para a frente, e eis que apareceu James no jogo, que até então estava encolhido, e até poderia ter sido alvo de substituição.

    Moutinho o melhor em campo, numa excelente iniciativa proporcionou a El Bandido uma finalização sublime de primeira, garantindo-nos assim a justa vitória e um passo importantíssimo rumo aos oitavos-de-final.

    O resultado foi escasso face ao nosso domínio e oportunidades criadas.

    Agora há que não embandeirar em arco, ser humildes, e encarar todos os jogos com a mesma atitude.
    Temos de melhorar muito na finalização. Jackson aparece muitas vezes perdido, parecendo que a bola foge dele.

    Abraço
    Paulo

    pronunciadodragao.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  3. caríssimas(os),

    num dia a todos os níveis frustrante, só mesmo o nosso FC Porto nos conseguiu dar uma alegria e encher-nos de orgulho!

    que a exibição de ontem tenha continuidade já no próximo encontro, é o que mais desejo!


    somos Porto!, car@go!
    «este é o nosso destino»: «a vencer desde 1893»!

    saudações desportivas mas sempre pentacampeãs a todas(os) vós! ;)
    Miguel | Tomo II

    ResponderEliminar

Opine!